Home / Blog & Notícias / A mim causa espanto postular abortos!

A mim causa espanto postular abortos!

Fonte: O possível e o Extraordinário

eros

O ministro aposentado do Supremo Tribunal Federal, Eros Roberto Grau, denunciou, em artigo publicado na revista Reformador, que os que postulam a legalização do aborto não estão interessados meramente em um direito civil, mas na exploração de uma atividade econômica. Disse tudo! Segue o trecho de Pequena nota sobre o direito a viver.

“…a certeza do diagnóstico médico da anencefalia não é absoluta, de modo que a prevenção do erro, mesmo culposo, não será sempre possível. O que dizer, então, do erro doloso? A quantas não chegaria, então, em seu dinamismo – se admitido o aborto – o “moinho satânico” de que falava Karl Polanyi?

A mim causa espanto a ideia de que se esteja a postular abortos, e com tanto de ênfase, sem interesse econômico determinado. O que me permite cogitar da eventualidade de, embora se aludindo à defesa de apregoados direitos da mulher, estar-se a pretender a migração, da prática do aborto, do universo da ilicitude penal, para o campo da exploração da atividade econômica. Em termos diretos e incisivos, para o mercado.

Escrevi esta pequena nota para gritar, tão alto quanto possa, o direito de viver.” – Eros Grau, ministro que integrou a Corte brasileira no período de 2004 a 2010.”

Check Also

Autoridade vaticana: A teologia da libertação não faz falta para cuidar dos pobres

ROMA, 26 Ago. 13 / 01:30 pm (ACI/EWTN Noticias).- O secretário da Pontifícia Comissão para …