Home / Blog & Notícias / Espiritualidade: Confissão tem efeitos terapêuticos

Espiritualidade: Confissão tem efeitos terapêuticos

a-confissaoVila Nova de Gaia, Porto, 29 Mar (Ecclesia) – A Confissão, nome pelo qual é conhecido o sacramento católico da Penitência, tem efeitos terapêuticos e possibilita a recuperação da harmonia, considera o padre e psicólogo João de Deus Costa Jorge.

A posição foi defendida na conferência “Reconciliação e terapia – Aspectos psicológicos”, realizada esta quinta-feira em Valadares, Vila Nova de Gaia, refere um comunicado de imprensa enviado à Agência ECCLESIA pelos Missionários da Boa Nova, que organizaram o evento.

O professor da Universidade Católica Portuguesa defendeu que a prática do sacramento tem diminuído devido à perda de consciência e de sentido do pecado, além da resistência do ser humano para reconhecer as suas fraquezas.

Costa Jorge, pertencente à congregação católica dos Sacerdotes do Coração de Jesus (Dehonianos), denunciou igualmente a falta de disponibilidade dos padres para o sacramento e as “apressadas” confissões em massa realizadas durante a Quaresma e Advento.

O orador classificou o perdão como a experiência “máxima” da pessoa e sublinhou que a fase final do processo de reconciliação, que consiste na transformação do mal em ocasião de bem, ultrapassa as teorias e práticas psicológicas.

O colóquio integrou-se na edição de 2011 do ciclo de conferências do Seminário de Valadares, que comemora 50 anos de existência.

A próxima palestra, marcada para 20 de Abril, é dedicada ao tema “Novos métodos para expressar verdades eternas”, por Jacinto Jardim.

Check Also

Autoridade vaticana: A teologia da libertação não faz falta para cuidar dos pobres

ROMA, 26 Ago. 13 / 01:30 pm (ACI/EWTN Noticias).- O secretário da Pontifícia Comissão para …