Home / Blog & Notícias / Fé e razão contribuem ao crescimento intelectual da nação diz o Papa

Fé e razão contribuem ao crescimento intelectual da nação diz o Papa

bento_16VATICANO,(ACI). – O Papa Bento XVI enviou uma vídeo-mensagem de saudação à universidade católica mais antiga da Ásia, na qual recordou a força que a fé e a razão têm para cooperar no desenvolvimento intelectual de uma  nação.

No vídeo, apresentado no dia 28 de janeiro em Manila (Filipinas) durante a celebração do IV Centenário da fundação da Universidade Pontifícia de Santo Tomás, o Pontífice destacou que “este é um evento significativo na vida da Igreja e, embora não posso estar com vocês fisicamente, sinto-me feliz de falar com vocês pessoalmente desta maneira, de me unir a vocês espiritualmente, e oferecer a todos vocês minha afetuosa felicitação por esta feliz ocasião.”

O Papa elogiou o clero, os religiosos e leigos que em Santo Tomás, “transmitiram às gerações dos filipinos da fé, o conhecimento e a sabedoria que se encontra nas ciências religiosas e seculares”.

“Estou seguro de que, tendo em conta a fé e a razão de que sempre formam parte de um enfoque verdadeiramente integrado à educação, a Universidade seguirá contribuindo ao enriquecimento intelectual, espiritual e cultural das Filipinas e além. Também rogo que sempre procurem o conhecimento do humano e do divino à luz de que a máxima claridade na pessoa de Jesus Cristo”, concluiu o Papa.

Em 28 de janeiro, memória litúrgica de Santo Tomás de Aquino, celebrou-se o IV centenário de fundação da Pontifícia Universidade de “Santo Tomás”, ante a presença do delegado do Papa para esta comemoração, o Cardeal Zenon Grocholewski, prefeito da Congregação para a Educação Católica.

A mais antiga universidade da Ásia ainda existente, esta foi criada por iniciativa do bispo dominicano espanhol Miguel de Benavides, terceiro arcebispo de Manila que destinou suas propriedades e sua biblioteca pessoal para um seminário.

Em 1611 o “Colégio de Santo Tomás”, foi autorizado a conferir títulos acadêmicos em teologia e filosofia. O Papa Inocêncio X elevou o Colégio a Universidade; e Inocêncio XI em 1681 a declarou Universidade pública de estudos gerais autorizando a outorga de outros títulos universitários.

Depois da Universidade Gregoriana de Roma, que foi distinguida em 1873 com o título de Pontifícia, a Universidade de Santo Tomás de Aquino em Manila recebeu a mesma concessão.

Check Also

Autoridade vaticana: A teologia da libertação não faz falta para cuidar dos pobres

ROMA, 26 Ago. 13 / 01:30 pm (ACI/EWTN Noticias).- O secretário da Pontifícia Comissão para …