Home / Cartas do Leitor / Leitora pergunta a respeito do quadro de São Miguel Arcanjo

Leitora pergunta a respeito do quadro de São Miguel Arcanjo

LEITOR

Nome: M. J
Enviada em: 11 de Julho de 2011
Local: AM – Amazonas

PERGUNTA

Gostaria de saber e tirar duvidas a respeito da imagem de São Miguel arcanjo,se realmente podemos esta com essa imagem dentro de casa,pois sabemos que se trata da vitoria sobre o demônio.

RESPOSTA

São Miguel Arcanjo, cujo nome significa “Quem como Deus”, é considerado o chefe dos exércitos celestiais. Seu nome é citado três vezes na Bíblia Sagrada:

– Capítulo 12, 1;  do livro de Daniel, onde lemos: ” Naquele tempo, surgirá Miguel, o grande chefe, o protetor dos filhos do seu povo. Será uma época de tal desolação, como jamais houve igual desde que as nações existem até aquele momento. Então, entre os filhos de teu povo, serão salvos todos aqueles que se acharem inscritos no livro. “.

– Capítulo 12,7-9; do Livro do Apocalipse encontramos o seguinte: “Houve uma grande batalha no céu. Miguel e seus anjos lutaram contra Satanás e suas legiões, que foram derrotadas, e não houve lugar para eles no céu. Foi precipitada a antiga serpente, o diabo, o sedutor do mundo. Ai da terra e do mar, porque o demônio desceu a vós com grande ira, sabendo que lhe resta pouco tempo”.

– Carta de São Judas 1,9; lê-se: ” Ora, quando o arcanjo Miguel discutia com o demônio e lhe disputava o corpo de Moisés, não ousou fulminar contra ele uma sentença de execração, mas disse somente: Que o próprio Senhor te repreenda!”. Por isso São Miguel é mostrado atacando o dragão infernal.

A Igreja Católica, baseando-se nas Sagradas Escrituras, na herança judaica e nos escritos dos Santos Padres, crê na existência dos anjos, como afirma o próprio Catecismo: “A existência dos seres espirituais, não-corporais, que a Sagrada Escritura chama habitualmente de anjos, é uma verdade da fé. O testemunho da Escritura a respeito é tão claro quanto a unanimidade da Tradição.” (CIC, 328).  O desenvolvimento da angeologia (estudo dos anjos) na Igreja Católica aconteceu principalmente no período dos padres apostólicos, quando a fé cristã se viu ameaçada em sua pureza por diversas heresias.

O confronto mais rigoroso entre o cristianismo e a filosofia neoplatônica estimulou Agostinho e o Pseudo-Dionísio a aprofundar a doutrina tradicional sobre a natureza e a função dos anjos. O Pseudo-Dionisio, autor desconhecido do século VI, apoiando-se em Proclo, dividiu os anjos em nove coros, hierarquizando-os em três tríades de dignidade crescente: 1º hierarquia – Serafins, Querubins e Tronos; 2º Hierarquia – Dominações, Potências e Virtudes; 3º Hierarquia – Principados, Arcanjos e Anjos. Tal nomenclatura celeste aparece em alguns textos escriturísticos, a saber: Efésios 1, 21 e Colossenses 1, 16.

A Igreja Católica tem uma grande devoção por São Miguel Arcanjo, especialmente para pedir-lhe que nos livre das ciladas do demônio e dos espíritos maléficos. E quando o invocamos, ele nos defende, com o grande poder que Deus lhe concedeu, e nos protege contra os perigos, as forças do mal e os inimigos.

Essa hierarquia celeste, em parte, é também encontrada no Missal Romano no prefácio dos anjos: “Pelo Cristo vosso Filho e Senhor nosso, louvam os Anjos a vossa glória, as Dominações vos adoram, e reverentes, vos servem Potestades e Virtudes. Concedei-nos também a nós associar-nos à multidão dos Querubins e Serafins, cantando a uma só voz”.

Juntamente com São Gabriel e São Rafael, São Miguel faz parte do Coro dos Arcanjos, e seu dia é comemorado em 29 de setembro.

A São Miguel Arcanjo atribuem-se três funções: A de guiar e conduzir as almas ao céu, depois de tê-las pesado na balança da justiça divina; De defender a Igreja e o povo cristão;  De presidir no céu o culto de adoração à Santíssima Trindade e oferecer a Deus as orações dos Santos e dos fiéis.

Concluindo, não existe problema algum em ter o quadro de São Miguel arcanjo em casa, já que esta presente nele a vitória sobre o maligno, motivo de alegria para os Cristãos.  O demônio que tem de nos temer, como São João Cruz descreve: “O demônio teme a alma unida a Deus.

ORAÇÃO A SÃO MIGUEL ARCANJO

“São Miguel Arcanjo, defendei-nos no combate, sede nosso refúgio contra a maldade e as ciladas do demônio. Ordene-lhe Deus, instantemente o pedimos, e vós príncipe da milícia celeste, pelo Divino Poder, precipitai ao inferno a satanás e a todos os espíritos malignos, que andam pelo mundo para perder as almas. Assim seja!”

In Corde Jesus, semper,
Mendes Silva
Membro do Apostolado Spiritus Paraclitus

Check Also

Porque quando ouvimos relatos de aparições ou comunicação de santos ou pessoas que foram católicas, e quando acontece a mesma coisa com o espirita por exemplo é o demonio.

Enviado por D. E. B. Religião: catolico Estado: PR – Paraná Corpo da mensagem: Boa …