Home / D. Estêvão Bettencourt

D. Estêvão Bettencourt

Os estigmas: O que são? Por que são?

Em síntese: Os estigmas são chagas que alguns fiéis trazem em seu corpo, configurando-se a Cristo Crucificado. O fenômeno é complexo, pois envolve não só noções de Teologia e Mística, mas também fato­res de Psicologia e Medicina; elementos religiosos e reações fisiológicas se conjugam, tornando por vezes o diagnóstico difícil, …

Leia Mais »

Apocalipse: Interpretação

Em síntese: O presente artigo aborda o livro do Apocalipse de São João, que não deve ser tido como fonte de argumentos em prol de iminente fim do mundo. O núcleo do livro dispõe-se em três septenários, que recapitulam toda a história da humanidade e da Igreja sob forma simbolista, …

Leia Mais »

Generosidade Humana e Generosidade Divina

SEQUIOSO (Niterói): «Como se deve entender a estranha afirmação de Jesus : ‘A todo aquele que já possui, dar-se-á mais, e possuirá, em abundância; mas a quem não possui, será tirado até o que possui’ (Mt 25,29)? Não haverá contradição nessa frase?» 1. A exegese do texto  1.1. Deve-se de início …

Leia Mais »

Fim do mundo? As Profecia de São Malaquias

default_thumb

Em síntese: A profecia atribuída a São Malaquias, bispo de Armagh (Irlanda) no século XII, não era conhecida até 1595. Os pesquisadores chegaram à conclusão de que foi forjada por interessados políticos que queriam colocar sobre a Cátedra de Pedro o Cardeal Simoncelli de Orvieto precisamente “indicado pelo Espírito Santo” …

Leia Mais »

O inferno ? Quase ninguém mais acredita nele !

A razão por que muitos em nossos tempos não acreditam no inferno, é que nunca tiveram explicação exata do que ele significa: é frequente conceber-se o inferno como castigo que Deus inflige de maneira mais ou menos arbitrária, como se desejasse impor-se vingativamente como Soberano Senhor; o réprobo seria atormentado …

Leia Mais »

Como Distinguir os Livros Inspirados por Deus?

1. Diversos têm sido, nos últimos séculos, os critérios propostos para se resolver tal questão. Eis os mais invocados: a) a índole mesma do livro examinado, ou seja, a sublimidade de sua doutrina, o encanto singular de seu estilo, a sua aptidão a suscitar sentimentos piedosos; b) a experiência do respectivo …

Leia Mais »

Lei de Moisés, Abolida ou Não?

 “Se se afirma que a Lei de Moisés foi ab-rogada por Cristo, porque ainda se insiste na observância dos mandamentos do Decálogo? Mesmo entre estes, que é feito das prescrições concernentes ao sábado e às imagens? Qual é afinal o critério para se distinguir o que foi ab-rogado e o …

Leia Mais »

Igreja e Inquisição

A inquisição não foi criada de uma só vez nem procedeu sempre do mesmo modo no decorrer dos séculos. Por isto distinguem-se: 1) a Inquisição Medieval, voltada contra as heresias catara e valdense nos séc. XII/XIII e contra um falso misticismo do séc. XIV; 2) a Inquisição Espanhola, instituída em …

Leia Mais »

A Igreja e a escravidão no Brasil

Em síntese: O presente artigo expõe sumariamente o histórico da escravatura desde os tempos pré-cristãs até a época contemporânea. A seguir, explana as razões pelas quais a escravatura pôde parecer legítima não só aos povos anteriores a Cristo, mas também aos povos cristãos. Por último, analisa-se a posição da Igreja …

Leia Mais »

O que é inspiração bíblica?

A Bíblia é a Palavra de Deus inspirada. Mas como se dá essa inspiração? Talvez imaginemos um ditado mecânico como a de um chefe à sua datilógrafa. Esta escreve coisas que não entende e que são entendidas apenas pelo chefe e sua equipe. Isso não é a inspiração bíblica. Pois, …

Leia Mais »