O PT quer (re)tomar a Igreja Católica!

196

Há poucos dias atrás, Bernardo Küster (ensaísta, tradutor e jornalista), que se tornou conhecido nas redes sociais pela excelente análise que faz em seus vídeos sobre questões políticas e econômicas, lançou um vídeo que viralizou, chegando a mais de 432 mil visualizações no momento em que artigo está sendo escrito.

O vídeo tem por título: PT E A IGREJA – A “NOVA” ESTRATÉGIA DA ESQUERDA. E fala sobre o 14º Intereclesial de CEBs (Comunidades Eclesiais de Base), ocorrido em Londrina (PR), entre os dias 24 e 27 de janeiro deste ano.

Küster denuncia a participação de ícones da teologia da libertação e da esquerda brasileira – como Frei Betto e Marcelo Barros – e a ideologização do encontro, no qual foram colocadas faixas em defesa do ex-presidente Lula (condenado em 2ª instância a 12 anos e 1 mês de prisão, por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, no mesmo dia do início do evento, 24/01) e denúncias do “golpe” e do “fim da democracia no Brasil” (expressões que foram incluídas na cartilha do 14º Intereclesial de CEBs).

Mais pareceu um encontro de política partidária do que um encontro de comunidades eclesiais católicas. Assista o primeiro vídeo de Bernardo Küster:

Ao final deste primeiro vídeo, Bernardo Küster pediu a todos os fieis católicos indignados com esta situação que liguem ou mandem e-mail para o Núncio Apostólico do Brasil e para o Arcebispo de Londrina, pedindo explicações sobre este 14º Intereclesial de CEBs, no qual ocorreram inclusive abusos litúrgicos na missa de encerramento (com uso de jarras e copos de vidro, ao invés de cálices apropriados, de metal; e com uso de pão comum para a consagração, ao invés das hóstias recomendas para as celebrações eucarísticas), em presença de dezenas de bispos (60) e padres.

Em função da enorme repercussão e diante das acusações de ser “mentiroso” e de haver falado contra o Arcebispo de Londrina e contra o 14º Intereclesial de CEBs, fazendo uma denúncia alegadamente mentirosa de que as CEBs estão sendo politizadas (ou ideologizadas  pela esquerda), Bernardo Küster fez um segundo vídeo, mostrando ainda mais detalhes e provando o que já havia afirmado no vídeo anterior.

O novo vídeo chama-se: NOVAS EVIDÊNCIAS E ANÁLISE DO PT NA IGREJA.

Assista e confira o que está acontecendo em certos setores da Igreja Católica, muito vinculados à teologia da libertação e à esquerda brasileira e mais empenhados em defender um criminoso condenado como o ex-presidente Lula do que em promover a verdadeira evangelização e a formação dos fieis católicos na fé da Igreja:

Os católicos brasileiros não podem ficar quietos diante dessa invasão da esquerda sobre a Igreja Católica. Em uma entrevista já antiga (assista aqui), Lula admite que chegou ao poder por causa do apoio do setor da base da Igreja Católica (leia-se: comunidades eclesiais de base, nas quais se colocou em prática a teologia da libertação, a ideologização esquerdista de grupos e pastorais católicos), entre outros grupos. Não podemos permitir que novamente usem a Igreja para alcançar seus objetivos de retomar o poder para destruir a democracia brasileira e, depois, perseguir os católicos e cristãos em geral, como já estão fazendo na Bolívia e na Venezuela.

Deixamos aqui os endereços eletrônicos e telefones do Núncio Apostólico e do Arcebispo de Londrina, para que os fieis católicos que lerem este artigo e se sentirem tão indignados quanto nós também possam fazer a sua manifestação, pedindo respeitosamente às autoridades eclesiásticas que expliquem os absurdos ocorridos neste evento de CEBs.

– Arquidiocese de Londrina: (43) 3371-3141

– Nunciatura Apostólica no Brasil: (61) 3223-0794 e 3223-0916

– e-mail da Nunciatura Apostólica no Brasil: [email protected]